30 de abril de 2016

Bolo de Ervilhas

Yum
E eis que chegámos ao último dia do mês de Abril.
E com o final do mês acaba também a rúbrica que lancei no seu início, o mês dedicado às ervilhas!
Queria dar por terminada a rúbrica deste mês de uma forma que fosse absolutamente diferente, e por isso escolhi este bolo.




Pensem comigo: temos bolos de cenoura, de abóbora, de espinafres, de agrião, de beterraba, de batata…..   eis que chega o momento do bolo de ervilhas!
É um bolo diferente, certamente. Não vos vou dizer que é o melhor bolo que já provei, mas também vos digo que não é de todo o pior. É bastante agradável, com um sabor fresco, e perfumado, e não me arrependo nem um segundo de o ter feito.
Foi ótimo poder voltar a pôr em prática as técnicas que aprendi no WS da Migalha Doce. Foi uma receita que me deu muito prazer fazer, fotografar, e comer.
Por isso, asseguro-vos que esta rúbrica não poderia ter acabado de melhor forma!
Quero agradecer IMENSO, a todos, e foram muitos!, os que aceitaram o meu convite e se juntaram a mim nesta tarefa de usar este ingrediente de época, e encher uma mesa de receitas fabulosas e deliciosas.
Amanhã, divulgarei o próximo ingrediente para o mês de Maio, e convido-vos a sentarmo-nos todos à mesa, à nossa mesa, e a degustar as tantas e tão boas receitas que fomos trazendo.
Por agora desfrutem este fantástico Bolo de Ervilha!!





Ingredientes (para um bolo de 3 camadas de 16cm):
Receita adaptada daqui
Bolo
2 chávenas de Ervilhas Frescas
8 Folhas de Hortelã fresca
150g de Manteiga, à temperatura ambiente
120g de Açúcar
3 Ovos, à temperatura ambiente
2 c. chá de Extrato de Baunilha
240g de Farinha de Trigo
2 c. chá de Fermento em Pó
½ c. chá de Sal
Rebentos de Ervilha para decorar (opcional)

Recheio e cobertura
Swiss Merengue Buttercream
3 Claras de Ovo, à temperatura ambiente
230g de Manteiga amolecida (não é derretida!)
150g de Açúcar granulado
1 pitada de Sal
1 c. sopa de Extrato de Baunilha
Curd de Hortelã
½ chávena de Açúcar
1 c. sopa de Amido de Milho (vulgo Farinha Maizena©)
4 Folhas de Hortelã
½ chávena de Água
1 Gema de Ovo
½ c. chá de Extrato de Baunilha
1 c. sopa de Manteiga
Algumas gotas de Corante Alimentar Verde

2 c. sopa de Amêndoas Laminadas





Preparação:
Unte 3 formas de 16cm e polvilhe com um pouco de farinha.
Coloque uma panela ao lume com água suficiente para cozer as ervilhas, e deixe levantar fervura. Adicione as ervilhas e deixe cozinhar por não mais de 5 minutos.
Escorra a água, e coloque-as de imediato em água fria, para que parem o processo de cozedura e não percam a sua cor verde. De seguida coloque-as num passador de rede, para arrefecerem e escorrerem o máximo de água possível.
Coloque-as num processador de alimentos, juntamente com as folhas de hortelã, e processe até que esteja uma mistura bem homogénea e macia. Reserve.
Numa taça bata a manteiga e o açúcar até obter uma mistura bem cremosa.
Noutra tigela bata os ovos e o extrato de baunilha.
Adicione a mistura de ovo ao creme de manteiga e misture bem.
Junte as ervilhas e misture de novo.
Peneire a farinha, o fermento em pó e o sal.
Adicione a farinha à mistura de ervilhas, batendo continuamente.
Divide a massa uniformemente pelas formas e leve ao forno pré-aquecido a 180ºc por cerca de 35 minutos ou até que esteja cozido. Verifique se está cozido espetando um palito no centro da massa. Estará cozido quando o palito sair completamente limpo, sem massa.

Enquanto os bolos cozem prepare o curd de hortelã.
Numa panela média, misture o açúcar e o amido de milho. Adicione a água e as folhas de hortelã e cozinhe em fogo médio por 5 a 7 minutos ou até que engrosse ligeiramente. Coe a mistura, para retirar as folhas de hortelã.
Numa tigela, bata ligeiramente as gemas. Mexendo sempre, despeje um quarto da mistura de açúcar quente nas gemas. Adicione a mistura de gema de ovo de volta à restante mistura de açúcar quente, mexendo para misturar. Cozinhe em fogo médio por mais uns 4 minutos ou até engrossar, mexendo sempre. Retire do lume, adicione a manteiga e mexa até que esteja completamente derretida. Junte uma 2 a 3 gotas do corante alimentar verde, e envolva bem. Vá adicionando mais gotas até atingir a cor desejada.
Deixe arrefecer por completo antes de usar.
Nota: o que sobrar depois de rechear o bolo coloque num recipiente hermeticamente fechado e guarde no frigorífico até 2 semanas.

Retire os bolos do forno, e deixe que amornarem um pouco antes de os desenformar e retirar para uma rede, para arrefecerem por completo.

Enquanto os bolos arrefecem, prepare o buttercream.

O buttercream convém ser feito numa batedeira automática, senão será um processo demorado e bastante cansativo.

Aqueça um tacho com água ao lume - não é preciso muita água, só o suficiente para criar vapor de água, e para que não toque no fundo da taça que vai usar para bater as claras. Na taça da sua batedeira junte as claras, o açúcar e o sal e coloque a taça sobre o tacho – lembre-se que a taça não pode tocar diretamente na água, senão irá cozer as claras. Mexa energicamente com uma vara de arames até o açúcar se dissolver.
Nota: Se estiver a usar um termómetro as claras estarão no ponto para atingir os 140º. Sem o termómetro estão no ponto quando, ao esfregar os dedos com um pouco da mistura, já não se sentir os grãos de açúcar.

Transfira de imediato a taça para a batedeira, e comece a bater numa potência média-baixa, aumentando a potência gradualmente até ao máximo e bata as claras até que fiquem brilhantes e formem picos bem firmes, o que deve demorar cerca de 5 a 7 minutos. O tempo deste processo vai variar obviamente de acordo com a potência das vossas batedeiras. O importante é que o merengue fique bem firme.

Antes de juntar a manteiga a taça onde tem o merengue tem de estar completamente fria. Para acelerar o processo pode use um pano húmido ou um saco com gelo, enrolando-o à volta da taça da batedeira.

Quando a taça estiver fria ao toque, e numa velocidade média, adicione a manteiga aos poucos. Vá aumentando a velocidade gradualmente, até ao máximo. Deixe bater, sem parar, por cerca de 10-15 minutos, até obter um creme liso e macio.

Adicione o extrato de baunilha e voltar a bater para misturar.

Montagem
Se necessário acerte o topo dos bolos deixando a superfície uniforme e lisa, e para que os bolos fiquem os 3 do mesmo tamanho.
Espalhe um pouco de buttercream no prato onde vai servir o bolo. Este irá servir de "cola".
Coloque um dos bolos no prato ou base e cubra com buttercream usando um saco de pasteleiro, e fazendo anéis, começando na parte exterior e indo para o centro. Por cima do buttercream distribua as amêndoas.
Sobreponha o segundo bolo e comprima ligeiramente.
Volte a cobrir com buttercream, mas desta vez faça só dois anéis no lado exterior do bolo. Por cima destes dois anéis, e de modo a ficar no centro dos dois, faça um novo anel. No centro  do bolo, espalhe um pouco de curd de hortelã, de modo a que não ultrapasse a altura dos anéis de buttercream, ou correrá o risco do curd escorrer para fora.
Sobreponha o terceiro e ultimo bolo, fazendo uma pressão muito ligeira.
Barre o topo e preencha os espaços vazios laterais do bolo com buttercream. Com uma espátula, alise o topo do bolo e em toda a volta, até que o buttercream fique uniforme.

Decore a gosto com rebentos de ervilhas e coloque a refrigerar se não for para servir de imediato, tendo o cuidado de o retirar no mínimo 30 minutos antes de servir.

Bom Apetite!

12 comentários:

  1. Eu nem sei o que dizer...se me impressiona mais o bolo se o curd...ai o curd...eu estou a sonhar com este curd.....
    Foi um prazer poder participar, e tenho pena de não podido ter feito mais receitas, tenho o congelador cheio de ervilhas...
    O que será em Maio? Ui ui mal posso esperar!
    Um grande beijinho Marta e bom fim de semana!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A tua presença, sabes bem que foi muito especial para mim!
      Obrigado de coração por teres vindo!
      Beijo enorme

      Eliminar
  2. Absolutamente genial Marta!!!!
    Não poderias ter encerrado o tema de forma mais tentadora e linda!
    As fotos estão de morrer e a decoração e acabamentos do bolo, altamente profissionais.
    Estou completamente in love e amei o mês das ervilhas que culmina de forma tão linda e convidativa.
    Venha o próximo ingrediente e eu cá estarei a apoiar-te e a dar o meus melhor.
    Um beijinho e continuação de bom fim de semana,
    Lia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)) obrigadooooooo
      Ficou bonitinho não ficou?!
      Eu estou super orgulhosa do meu bolinho, e acho que sim, que foi uma ótima forma de encerrar este mês maravilhoso!
      Beijo!!

      Eliminar
  3. De facto um bolo inusitado mas surpreendentemente! Mas se não consegui ficar indiferente ao bolo, ao curd muito menos! Fiquei mesmo intrigada! É algo que quero pôr em prática em breve! Não quer esquecer de dizer que o bolo está lindo e o cenário também! Sabes o que me faz lembrar? Alta cozinha, é o que é! Adorei! Hoje também fiz bolo para um aniversário amanhã, vou agora fazer os acabamentos! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ohhh assim deixas-me sem saber o que dizer. Fico toda derretida!!
      Obrigado minha querida!
      Beijo enorme

      Eliminar
  4. Que lindo bolo! Bastante original, desde o bolo de ervilha até ao curd de hortelã. Muito interessante, acho que tenho de experimentar agora enquanto estamos na época das ervilhas :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado Cláudia!!
      Se chegar a experimentar, por favor diga-me o que achou! Vou ficar super curiosa :)
      Beijinhos grandes

      Eliminar
  5. Oh estou tipo de boca aberta!! O bolo está tão mas tão bonito!!! E o curd, que aspecto sedoso, que aspecto brilhante, esté com uma textura perfeita!!!
    http://bloglairdutemps.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :D muito obrigado Miranda.
      O curd é muito bom. Estou a ver se arranjo tempo para fazer umas bolachas de chocolate e rechear com este curd, que deve ficar maravilhoso!!!
      Beijos!

      Eliminar
  6. Haha, tu e os bolos de ervilhas! Mas o outro era salgado, este, surpreendentemente, é doce. E tem muito bom ar :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LOL
      é um bolo que vale claramente pela experiência!
      Foi claramente uma mais valia tê-lo feito.
      Beijinhos

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...