19 de julho de 2016

Panquecas de Pêssego

Yum

Deste lado respira-se o doce oxigénio de quem está de férias, do dolce far niente, do acordar sem despertador….
num local como já existem poucos… onde o acordar se faz ao som das folhas das árvores de grande porte a bailarem junto com o vento; com o pio de um pássaro qualquer que busca o seu alimento… onde não há rede telemóvel, nem carros a passar, nem o frenesim de uma vida apresada, nem buzinas, nem passos apressados…   onde se ouve o som de um pequeno ribeiro….

Escrevo-vos de um cafezinho, o único sitio onde há wi-fi…..  Com vista para a piscina onde os miúdos treinam os seus mergulhos….
Escrevo-vos com uma leveza, e uma paz de espirito como já não sentia há algum tempo…     

                   digo-vos até já, com uma receita para desfrutar calmamente… sem pressas…  num pequeno-almoço descontraído, sem horas
                   umas panquecas absolutamente divinais, com a surpresa de encontrar pequenas “pepitas” de pêssego que nos despertam os sentidos!

Um até já, e bom apetite.




Ingredientes:
120g de Farinha de Trigo-sarraceno
1 ½ c. chá de Fermento em Pó
¾ c. chá de chá de Canela em Pó
¼ colher de chá de Sal Fino
1 c. de chá Óleo de Coco, derretido, mais algum para preparação das panquecas
2 c. chá de Extrato de Baunilha
125g de Iogurte Grego Natural
180 ml de Leite
100g de Pêssego, cortado em pedaços pequenos

Iogurte Grego, Mirtilos e Pêssego/Nectarina para servir (opcional)


Preparação:
Misture a farinha, o açúcar, o fermento, a canela e o sal numa tigela média.
Noutra tigela, misture o óleo de coco e a baunilha. Adicione o iogurte grego, e mexa até que fique homogéneo. Junte a misture de farinha e o leite, alternadamente, até obter uma massa.
Incorpore os pedaços de pêssegos e envolva delicadamente
Aqueça uma frigideira pequena e antiaderente em fogo médio, e unte com um pouco de gordura - eu costumo deitar um pouco de óleo de coco derretido numa folha de papel de cozinha dobrada, e depois esfrego a frigideira. Repita esta operação a cada nova panqueca.
Despeje uma porção de massa na frigideira, cerca de 1 concha de sopa mal cheia, de cada vez. Cozinhe por 3-4 minutos, até que o fundo esteja ligeiramente dourado e a massa comece a formar “furinhos” no topo. Vire, com cuidado, e deixe cozinhar do outro lado. Repita até acabar a massa.
Sirva com iogurte grego e fruta a gosto.

6 comentários:

  1. Estas têm claramente a minha cara :-P vou levar comigo ;-)
    Bjs
    Carla

    ResponderEliminar
  2. Até já, Martinha, e que tenhas umas férias paradisiacas!!! Bjs
    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Bom descanso e obrigada por estas panquecas deliciosas :)
    Beijinho
    http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Que panquecas tão perfeitas!! Ficaram lindas!

    http://deaprendizachef.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Marta minha querida,
    Estas panquecas são dos deuses mesmo!!
    O aspecto fofo e leve não engana e fiquei a imaginar o seu sabor com o travo da canela e os "estalos" do pêssego.
    Que paisagem idílica descreves. Consigo visualizar-te e sentir essa calma que descreves...
    Aproveita cada minuto linda,
    Um beijinho,
    Lia

    ResponderEliminar
  6. Bem, mas que maravilha!! E que lindas que ficaram. Vou experimentar muiiiiiiito em breve

    thebrunettetofu.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...