9 de novembro de 2014

Bolinhos de Batata Doce (com Amêndoa) // Sweet potato biscuits

Yum
Hoje trago mais uma receita da Dorie, do projeto Dorie às Sextas.
Não são, seguramente, uns bolinhos que agradem a todos, mas cá por casa foram bastante apreciados, principalmente pelo meu filho mais novo que gosta bastante deste tipo de bolinhos secos e com pouco açúcar. Não têm um sabor muito vincado, mas acabam por ser bastante agradáveis. Penso que terão ganho mais alguma expressão pelo facto de eu ter substituído parte da quantidade da farinha da receita original por amêndoa moída, substituição motivada pelo facto de ter lido alguns comentários no grupo que eram uns bolinhos sem sabor...
Acabou por ser uma receita aprovada pelos críticos gastronómicos cá de casa.




Ingredientes (cerca de 24 a 30 unidades):

1 1/4 chávenas de farinha

3/4 Chávena de farinha de Amêndoa*

1 colher de sopa de fermento
1 colher de chá de sal
1 pitada de canela ou de noz moscada (opcional)
2 colheres de sopa rasas de açúcar amarelo
90 gramas de manteiga cortada em pedaços
1 chávena de puré de batata doce

* A receita original da Dorie leva somente farinha, ou seja 2 chávenas.
Para a decoração (não faz parte da receita original):
um pouco de calda de açúcar
e amêndoa picada

Preparação:
Centrar uma grade no forno e pré-aquecê-lo a 220ºC. Escolher um cortador de bolachas redondo entre 5 e 5,7 centímetros e forrar um tabuleiro com papel vegetal ou com um tapete de silicone.
Misturar a farinha, o fermento, o sal e a canela ou noz-moscada numa taça. Juntar o açúcar e mexer bem, de modo a que não haja torrões. Juntar os pedaços de manteiga, misturá-los com a farinha e, com os dedos ou com o processador de alimentos, até transformar a manteiga em pedaços entre o tamanho de uma ervilha e de flocos de aveia. Juntar puré de batata e, com um garfo, misturar os ingredientes com cuidado até formar uma massa suave. Mantendo a massa na taça, amassá-la muito ligeiramente com as mãos, dando-lhe cerca de 3 ou 4 voltas apenas, de modo a ficar uniforme.
Polvilhar levemente com farinha uma superfície de trabalho, deitar a massa, polvilhá-la também com um pouco de farinha e espalmá-la com as mãos ou estendê-la com um rolo até uma espessura de 1,25 cm. É importante não trabalhar excessivamente a massa.
Cortar tantos bolinhos quanto for possível, de modo a aproveitar ao máximo a massa (numa segunda rodada de corte, já não ficarão tão leves, pelo que a massa deverá ser trabalhada o mínimo possível). Transferi-los para o tabuleiro e levar ao forno entre 14 e 18 minutos, até estarem altos e bem dourados. 
Opcional: Retirar do forno e transferir os bolinhos para uma rede. De seguida, e com os bolinhos ainda quentes, pincelar com um pouco de calda de açúcar e salpicar com um pouco de amêndoa picada.
Deixar arrefecer entre 10-15 minutos antes de servir.

2 comentários:

  1. Que bom aspeto! Parecem muito bons, e aposto que de sabor são igualmente bons :) Ainda por cima com farinha de amêndoa, que realmente dá mais sabor :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu gostei realmente, e o meu Pimpolho mais novo então comeu mais de metade! :)
      Beijinhos

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...