1 de maio de 2019

Maio é mês de...


Chegou o Maio.
Com ele, os dias grandes, luminosos e com alguma sorte dias mais amenos, sem a instabilidade de temperatura do ultimo mês.
Chega a vontade de desfrutar dos espaços abertos e verdejantes, dos piqueniques e das saídas em família e/ou rodeados de amigos, para amenas conversas à volta de um petisco.
Maio é o mês das rosas, dos morangos, e até já de algumas cerejas, dos pêssegos e das nêsperas, dos deliciosos espargos, da rúcula, das beterrabas e dos rabanetes, dos brócolos, dos agriões, das favas e ervilhas e dos grelos. Um mês profundamente rico em ingredientes de cores fortes e sabores prenunciados.
A escolha é sempre difícil, como devem calcular…mas para este mês decidi escolher de novo um vegetal. A escolha recaiu sobre a Curgete {Courgette}!


Assim, deixo de novo o convite: juntem-se a mim, e até ao último dia do mês de maio, inclusive, tragam uma receita, talvez aquela que tantas vezes tem ficado em lista de espera, ou aquela que repetem vezes sem conta nas vossas cozinhas sem que lhe tivessem dado o devido destaque, ou a outra que é de família, a que tem um segredo, aquela que desperta memórias… A única regra é que destaque a curgete como ingrediente!

Deixem o link da vossa receita nos comentários desta publicação. Se não tiverem blogue podem enviar-me um mail com a receita e uma foto e eu farei a sua publicação, com os devidos créditos.
Poderão também identificar a vossa receita com a hashtag #martaingredientofthemonth, criada pela querida Lia para este desafio!
No final do mês, temos a promessa de uma mesa recheada de coisas boas, onde nos vamos poder juntar todos, a celebrar uma paixão que nos une: a culinária!

Boas receitas!




Vulgarmente conhecida e classificada como hortícola, em termos botânicos a courgette é considerada um fruto pertencente à família das cucurbitáceas, a mesma família da melancia, melão, abóbora e pepino.
A sua aparência assemelha-se à do pepino, mas pode também adquirir uma forma arredondada, mais parecida com uma abóbora. A cor pode variar entre os tons de verde escuro, embora também existam em amarelo ou até em preto.
Embora cada variedade seja distinta em cor, forma, tamanho e sabor, todas partilham algumas características comuns. Todo o legume, incluindo a carne, sementes e pele é comestível, com algumas variedades de courgette a produzirem também flores comestíveis. Ao contrário da abóbora, as courgettes são mais sensíveis e não podem ser armazenadas por longos períodos de tempo.
Hoje em dia pode ser adquirida em qualquer altura do ano, contudo é entre os meses de maio e de julho que a courgette pode ser encontrada com maior facilidade.


De sabor suave e neutro, a curgete é uma ótima aliada na perda de peso. Tem pouquíssimas calorias (17 por 100 g) e é extremamente hidratante, uma vez que 95% da sua composição é água. Além disso, é rica em cálcio, fósforo e ferro, substâncias que fornecem energia e pode ser saboreada de inúmeras e deliciosas formas. Este legume, é também rico em fibras e tem propriedades emolientes que melhoram a digestão. Quando ingeridas não devemos retirar a casca, pois esta possui um alto teor de nutrientes. 
Têm um sabor delicado, suave e cremoso e são ótimas para todos o tipo de receitas, podem ser cozidas, refogadas, fritas, assadas, recheadas ou gratinadas, utilizadas em saladas e sopas ou como acompanhamento.

Fontes:

2 comentários:

  1. Já do meio para fim, dia 22 ...
    O tempo foge-nos por entre os dedos , os dias passam a a correr a semana ups já está a terminar. E nós andamos numa roda viva sem tempo para nada, uma loucura!
    Mas não podia deixar de passar aqui neste cantinho maravilhoso nem que seja com uma única receita.
    Por isso deixo aqui estas tartes individuais de courgette e queijo de cabra.
    Espero que gostes.
    https://flor-de-rosmaninho.blogspot.com/2019/05/tarte-folhada-de-2-courgettes-e-queijo.html
    Beijo
    Elsa

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...