19 de fevereiro de 2019

Pithiver


Finalmente de volta a um dos desafios da blogosfera que tanto adoro, o doce e delicioso Sweet World, que na sua 35ª edição nos desafia a fazer um Pithivier, um clássico da pastelaria francesa que na sua versão mais básica nos apaixona com a sua frangipane envolva em dois discos de massa folhada. Tem tanto de simples como de delicioso.
Esta versão é a mais básica e simples e confesso que é que mais me agrada, mas podem optar por adicionar outras frutas, na sua versão fresca ou em compota.

Queridas Lia e Susana, que bom que é estar de volta ao vosso desafio. Beijinhos!






Ingredientes:
500g de Massa Folhada (2 placas redondas frescas)
1 Ovo, batido
140g de Manteiga, amolecida
140g de Açúcar
2 Ovos médios
2 c. sopa de Vinho do Porto
Raspa de 1 Limão pequeno
140g de Amêndoa ralada (usei da produção Vale d’Amêndoa)
20g de Farinha de Trigo
Açúcar em Pó para polvilhar (opcional)

Preparação:
Bata a manteiga com o açúcar até obter um preparado cremoso. Acrescente os ovos, a raspa de limão e o Vinho do Porto e misture bem. De seguida acrescente a amêndoa ralada e a farinha e envolva até resultar num preparado homogéneo.
Abra as placas de massa folhada e corte uma num círculo com cerca de 26 cm de diâmetro e a outra com 28cm, usando um prato ou uma base de bolo como molde. Coloque o círculo de massa mais pequeno sobre papel vegetal previamente untado com manteiga e espalhe o recheio por cima, deixando uma margem de cerca de 2 cm sem creme a toda a volta. Pincele essa margem com um pouco de ovo batido. Coloque o outro disco de de massa folhada por cima e pressione as extremidades. Leve a refrigerar por pelo menos 1 hora.
Entretanto colocar o forno a pré-aquecer a 200ºC.
Retire o doce do frigorifico, pincele toda a massa da superfície com ovo batido e leve ao forno por 25-30 minutos, até a massa estar douradinha e estaladiça.
Retire do forno, deixe arrefecer e depois, se gostar, polvilhe com açúcar em pó.

4 comentários:

  1. Ficou com bom aspeto.

    Beijinhos,
    Clarinha
    https://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.com/2019/02/fast-food-pica-pau-e-duas-versoes.html

    ResponderEliminar
  2. Fiz apenas uma vez e gostei muito.
    Este ficou lindo.

    ResponderEliminar
  3. Olá, gosto mto dos teus doces. Estou tentada a experimentar este mas esclarece, pois estive a ler com atenção e vi as fotos também e reparei que por cima estão uns desenhos, como é? Não falas neles...como é?
    Obrigado.
    Alice Silva

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Malice,

      este doce é maravilhoso, espero que o faça pois tenho a certeza que vai adorar.
      Os relevos que vê nas fotos são pequenas flores cortadas com um cortador (como este por exemplo: https://www.festanahora.pt/produto/3-cortadores-flor-com-ejector/?adTribesID=c8d73b93fd1e219cdb31d995f505c09a%7Cadtribes%7C18672&utm_source=Google%20Shopping&utm_campaign=Produtos%20Festa&utm_medium=cpc&utm_term=18672&gclid=Cj0KCQjwyoHlBRCNARIsAFjKJ6De6gAUAA6p-ScRdh8WQKbPayb_7DODxxYXgh2z6X7cY_dzgsHToaEaAieTEALw_wcB)
      que fiz com as sobras da massa folhada.
      O mais comum neste doce é até fazer-se uns cortes na massa como pode ver neste site (https://www.barbarabakes.com/pithivier-recipe-galette-de-rois/)
      Ou pode optar por não fazer nada mesmo :)
      Vai ficar perfeito igualmente :)
      Beijinhos e obrigado pela visita.

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...